quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Dormir menos...


Foto: humbertodealmeida.com.br

Estou cansado de ler estudos sobre o sono, porquanto quase todos são unânimes ao dizer que dormir bem é importante.

Inclusive, acho que essas revistas famosas (como a Veja e a Istoé) revezam-se na publicação dessas matérias. É pegar uma delas para ler, e lá estará mais uma pesquisa sobre o sono... Inacreditável...

Esses estudos, que me parecem sempre variações do mesmo, concluíram que é importante dormir "x" horas por dia.

Contudo, alertam para o fato que, se você sente-se bem dormindo menos horas, tudo bem... Depende de cada organismo...

Precisava mesmo fazer um estudo para chegar a essa conclusão?

Nunca tive uma relação muito boa com o sono. Invariavelmente, vou dormir tarde. Tanto é verdade, que agora passam das 2h23min da manhã (detalhe).

Mas, pensando bem, acho que poder dormir pouco é uma dádiva. Uma bênção, católica-apostolicamente falando.

Não queria ser uma dessas pessoas que precisam dormir 12 horas por dia, sob pena de comportarem-se como um vegetal mal-humorado...

Dormir tanto é um desperdício de vida. Uma insanidade.

Claro que é bom cair na cama após um dia cansativo, sobretudo no inverno. Mas dormir 1/3 de nossas vidas já não é o suficiente?

Assim como meu amigo Jailson (clique aqui para acessar seu blog), sinto que preciso produzir mais. Achar meu lugar ao sol antes que este se ponha.

Quando chegar minha hora de ascender aos céus de blues (assim espero), meu corpo terá bastante tempo para descansar... 

Uma verdadeira eternidade...

11 comentários:

disse...

Ótimo texto meu amigo, engraçado que me identifico com várias coisas que vc escreve, agora esse texto sobre o sono, fantástico, imagino o mesmo, menos sono e mais produção mais vida, mais coisas pra fazer, deixa pra dormir depois que morrer hehehe

Kelvim Vargas Inácio disse...

Que bom, meu amigo. Fico feliz que goste dos textos publicados no blog!
Volte sempre!
Aquele abraço!

. disse...

VocÊs não estão dormindo para ficar twittando... SAHUDUHADSHUASHUDHUASUD... brinks...


bom texto caro amigo... bom texto (expressão de um velho senhor)

Att Matheus Querino. disse...

Queria ser como você em relação ao sono, porque eu sou um que se dormir pouco no outro dia to totalmente podre de cançado, mas acredito que isso leva em consideração minha juventude, acostumado a dormir o dia inteiro! HAHUAHU gostei do texto =)

Zé Gota disse...

Teve uma época, durante um ano que fiz um pacto comigo mesmo de dormir apenas 5 horas por dia, e era gratificante.
Mais tempo pora fazer o que gosto e o que não gosto, mas preciso fazer.
hoje durmo 6, 7 e acordo bravo por não ter dormido mesmo.
salvo em alguns dias pós bebedeira, claro.
abraço cumpadre.
http://lauromullernews.blogspot.com/

Mariana_Lm disse...

Teve um período em que eu dormia umas 10h por dia. E sempre tinha sono, incrível.
Atualmente com a rotina da faculdade e estudos 6h tem sido suficiente.
Mas, ainda nao consegue livrar-me do mau humor matinal. Fico uma meia hora imprestável logo após despertar.
(os comentários desse texto parecem depoimentos pessoais haha)

=)

Laizitcha disse...

Realmente, dormir é pros fracos haha...
Einstein dormia só 4 ou 5 horas por dia, quanto mais se dorme mais sono se tem, então prefiro dormir pouco e funcionar direito o dia todo, que ficar de mau humor se não completar as 8h de sono... Dormir a gente dorme depois de morto =P

Igan Hoffman (fazendo o impossível) disse...

“Viver não é necessário: o que é necessário é criar.
Não conto gozar a minha vida; nem em gozá-la penso.
Só quero torná-la grande, ainda que para isso tenha de ser
o meu corpo (e a minha alma) a lenha desse fogo.”
Fernando Pessoa
Belo texto amigo!

Nada mais preciso dizer...
http://diariodeigan.blogspot.com

http://aportaestreita123.blogspot.com

Twittter @IganHoffman
msn e e-mail: iganhoffman@hotmail.com

Zé Gota disse...

obs: quando disse mesmo ali queria dizer menos, hehe

Kelvim Vargas Inácio disse...

Agradeço a todos pelos comentários... não existe nada mais gratificante do que ouvir a opinião de cada um expressada aqui no blog!
Abraços!

Marco disse...

dia desses li sobre uma doença (nao lembro o nome, tava com sono quando li) em que a pessoa desenvolve uma insonia tao absurda que chega um momento que nao consegue mais dormir, nem com um trilhão de carneirinhos contados, e um tempo depois (que não lembro, pois estava ja quase dormindo quando li) a pessoa morre por total exaustão cerebral....

já pensou? pior que é verdade isso...

gosto de dormir, não gosto de ir dormir...

abraço